Nosso casamento: Casando ao ar livre e durante o dia

Passado um ano do nosso casamento, não tinha como não relembrar esse momento tão especial para nós. Por isso, decidi dividir com vocês um pouco sobre o nosso casamento, como foi casar ao ar livre, durante o dia, e como tudo aconteceu, além de mostrar algumas fotos para vocês! <3 Vamos lá?

Planejamento 

Depois de um ano de planejamento e economias forçadas, chegou o dia que tanto esperávamos! Eu e o Matheus nunca fomos muito tradicionais, então desde o início pensamos em fazer um casamento um pouquinho diferente. Desde que começamos a planejar nosso casamento eu tinha certeza que queria casar ao ar livre e durante o dia, e o Matheus, entrou de cabeça comigo nessa loucura. Contra tudo e contra todos (inicialmente), conseguimos.

Foi muito complicado no início, todos queriam um casamento a noite, depois, todos queriam um casamento na igreja, depois, ninguém poderia nos casar na rua, depois todo mundo falava que poderia chover. Todo o processo, desde a escolha de data, local, convidados, etc, foi uma montanha-russa. Felizmente, com o apoio de tudo e todos ao nosso redor, família, amigos, fornecedores, universo, enfim, conseguimos fazer o casamento que tinhamos sonhado.

O grande dia

O dia 16 de abril foi quente, quente demais. Acho que de tanto pedir por sol, veio um caminhão de sol no dia do nosso casamento. A temperatura estava em torno de 35 graus, e casamos às 11 da manhã (por sorte, porque à tarde estava ainda pior), num dia lindo, do lado de um lago, debaixo de uma figueira enorme.

Convidamos poucas pessoas, eram ao todo 60 convidados, apenas amigos muito próximos e nossos parentes mais próximos também. Escolhemos fazer um casamento pequeno por dois motivos: primeiro, porque não tínhamos dinheiro suficiente para fazer um casamento para mais de 60 pessoas; segundo, porque nós queríamos ter apenas os mais próximos, que realmente estiveram presentes em nossas vidas de alguma forma, em uma data tão especial.

Foi um dia maravilhoso e que não queremos esquecer nunca. Eu, várias vezes, lembro daquele dia e sinto vontade de voltar. Lembro dos momentos especiais, das pessoas que estavam lá, passo pelas fotos daquele dia, e lembro de como estávamos todos tão felizes, simplesmente por estarmos ali.

A cerimonia linda, aconteceu em Tubarão, Santa Catarina, ao ar livre, no Parque do Hotel Sandrini, e a festa foi no Restaurante do Hotel que também é muito bonito, mas uma das melhores coisas, desde o começo, foi o atendimento maravilhoso da Vanessa, que era uma das cabeças de lá, e cuidava dos eventos.

O meu vestido, foi uma novela e se não fosse a paciência do Everton, que me suportou trocar de vestido 3 vezes e fez o meu vestido final faltando 2 meses para o casamento, eu não estaria tão feliz com ele.

As fotos incríveis são de dois fotógrafos talentósissimos que acabaram virando amigos e que, além de ótimos fotógrafos são pessoas indescritíveis de tão gente boa! Obrigada à vocês, que fizeram as memórias desse dia ficarem guardadas para sempre conosco (fotografia é um negócio importante, hein!).

Mas, acima de tudo, nada aconteceria se não fosse, primeiramente pelos nossos pais, que nos ajudaram e incentivaram tanto para que esse dia chegasse e acontecesse. Pela força que eles nos deram nos momentos em que tudo parecia estar dando errado, ou que o estresse do planejamento, misturado à nossa vida tumultuada nos deixava malucos.

Por último, mas não menos importante, gostaríamos de agradecer aos nossos familiares e amigos, que estiveram ou não presentes, e que, de alguma forma, comemoraram este momento conosco, que torceram por nós, e que nos mandam boas energias. Nós somos muito gratos por tudo, nossa vida não seria a mesma sem todos vocês. Obrigada.

Nossos fornecedores e agradecimentos especiais

Local da cerimônia: Parque do Hotel Sandrini, Tubarão – Santa Catarina

Local da festa: Restaurante do Hotel Sandrini, Tubarão – Santa Catarina

Fotografia: Tiago Gouvea e Fábio Pugliese para 18elementos

Vestido: Everton Moraes

Traje do Noivo: Zara

Gravata: Feita pela minha mãe <3

Decoração e Cerimonial: Iza Decorações

Aos que perguntam se valeu a pena, eu digo que sim! Casaria de novo! Fácil, fácil! Outra coisa que sempre falo: gente, casar durante o dia foi a melhor escolha que fizemos! O dia e a festa renderam muito, aproveitamos demais e não estávamos totalmente destruídos no dia seguinte e podemos partir rumo à nossa lua de mel nos Canyons de Praia Grande! Além disso, as fotos ficam tão bonitas <3 Gente, sério, casem de dia, se puderem. É demais!

Ah, e mais uma coisa, clichê, mas verdadeira: não desistam dos seus sonhos! Se você sonha casar, se você sonha que seu casamento seja na rua, que seja na igreja, ou do outro lado do mundo, não importa, vá atrás dele. Pode te encher o saco, te fazer chorar ou se desesperar, enfim, mas não descanse enquanto não conseguir! É um dia único e, sei que não iria me perdoar se tivéssemos cedido e feito o casamento de outra maneira.

  • Os noivos mais fofos e lindos pra sempre .. foi lindo demais. Uma honra e alegria ter participado deste dia.. lembro dos detalhes como se fosse hoje.
    Sejam muito felizes, casal!!

  • Pri

    Dia realmente inesquecível! Tudo perfeito! Sou muito feliz e grata por ter participado desse momento ❤️