#PinterestParaNegócios – 6 motivos para incluir o Pinterest na sua estratégia de marketing

Como falei neste artigo, o Pinterest é para aqueles que querem desde crescer o número de vendas e até mesmo aumentar o número de seguidores nas redes sociais.

Mas, se ainda não te convenci, ou se você ainda não entendeu muito bem os motivos pelos quais deveria estar usando o Pinterest na estratégia de marketing do seu negócio, bem, eu vou explicar melhor.

Por isso, neste artigo, reuní os 6 principais motivos para usar o Pinterest na sua estratégia de marketing.

1) Ele – ainda – não está tão cheio

Um dos melhores motivos, para mim, é o fato de haver muito espaço para crescer dentro da plataforma.

É possível encontrar poucas publicações de qualidade em português, e as poucas existentes são de poucas fontes – ou seja, são criadas por apenas alguns blogs ou empresas.

Em 2018, o Brasil ficou em segundo lugar em termos de número de novos usuários se inscrevendo no Pinterest. Nosso país ficou atrás apenas dos Estados Unidos – que é onde a rede é mais forte hoje.

Portanto, o fato de ter muita gente consumindo conteúdo e pouca gente produzindo conteúdo de qualidade é uma oportunidade para ganhar visibilidade, tanto na rede como fora dela.


Relacionado: 5 formas de manter um bom engajamento no Instagram

2) Você não precisa ter um grande número de seguidores para crescer

Na maioria das redes, para ter um bom alcance você precisa ter um bom número de seguidores. Isso porque suas publicações aparecem apenas para seus seguidores – ou 10% deles, como tem acontecido com Instagram e Facebook nos últimos tempos.

O Pinterest, por outro lado, funciona como uma espécie de mecanismo de busca. Portanto, os usuários não ficam restritos apenas ao feed. Ou seja, as pessoas, ainda assim, têm acesso às publicações a pastas de pessoas que não seguem. E isso faz com que você ganhe visibilidade.

Então, quanto melhor for seu conteúdo – para os padrões do Pinterest –, mais visibilidade você ganha. Desta forma, o número de visualizações e seguidores cresce naturalmente.

3) O Pinterest te traz – muito – tráfego

Se você quer que seu site, blog ou canal no YouTube sejam usados para alavancar vendas, ou quer simplesmente “dar um up” no seu marketing, o Pinterest é perfeito. Ele é, sem dúvidas, uma das melhores redes sociais para trazer tráfego para um site.

Isso porque nenhuma rede social, hoje, converte tão bem em cliques quanto o Pinterest.

Eu, por exemplo, atualmente tenho menos seguidores no Pinterest do que no Instagram. Porém, tenho muito mais visualizações no meu blog vindas de lá do que vindos do Instagram. Spoiler: o Pinterest me traz 15.000% mais visualizações do que o Instagram.

Isso acontece, em sua maioria, porque as pessoas estão no Pinterest, geralmente, procurando por algo. Ou seja, elas estão muito mais propensas a clicar em uma imagem para ver mais informações.

Enquanto isto, no Instagram ou Facebook são os produtores de conteúdo ou empresas que estão tentando convencer as pessoas à clicarem.


Relacionado: Como aumentei os acessos do meu blog com uma estratégia simples

4) Você passa a conhecer melhor sua audiência

Usar o Pinterest para negócios é maravilhoso por todos esses motivos que já citei. Mas, além disso, é incrível como ele pode te dar ótimos insights sobre o que seu público gosta.

Usando o Pinterst Analytics fica fácil “rastrear” os interesses e gostos do seu público.

Que tipo de produto ele gosta? No que ele se interessa em aprender?

O Pinterest Analytics pode te dar todas estas respostas.

E isso pode te dar um direcionamento sensacional sobre que tipo de conteúdo publicar, que tipo de produto desenvolver e como abordar tudo isso, sabendo que tipo de imagem ou título funciona melhor, por exemplo.


Relacionado: Como ganhar dinheiro com seu blog: 3 formas de rentabilizá-lo mesmo sem muitos acessos

5) Os usuários do Pinterest são extremamente engajados

Um número interessante é o de que cerca de 70% dos usuários do Pinterest não ficam apenas consumindo conteúdo, eles agem. Ou seja, eles estão clicando nas imagens, salvando-as.

Isso é diferente do que acontece no Instagram e Facebook hoje, por exemplo.

A ação do usuário para fora da plataforma não é tão incentivada e intuitiva como é no Pinterest.

É por isso que os pins se expandem de forma tão “voraz” e o número de acessos vindos de lá é tão alto. A facilidade em clicar, salvar e compartilhar um conteúdo é a principal arma da rede neste quesito.

6) Pins são ótimos para inbound links

A maioria dos pins inclui um link, como o da imagem abaixo. Ou seja, quando você clica na imagem, ela o direciona para o site vinculado à foto.

Aqui, incluo uma observação: se você for usar o Pinterest como negócio precisa entender que todos os pins que você criar precisam incluir um link para direcionar o usuário ao seu site – blog ou canal no YouTube.

Bom, continuando… como todos os seus pins já incluem um link para seu site – que é um link fixo, que não pode ser desvinculado do seu pin – as chances de o usuário chegar até você, mesmo que o pin não tenha sido salvo por você, são de tipo… 100%.

Por isso, não tem motivo para não pinar seus conteúdos por lá.


Relacionado: O Pinterest é para você? Que tal usá-lo na sua estratégia de marketing?

Hoje, o Pinterest é a principal ferramenta de marketing do meu blog. E sabe o que é o melhor? Não gastei um centavo!

Além disso, tenho usado ele para desenvolver produtos que atendam às necessidades dos visitantes do meu site.

Por isso, eu recomendo que você comece a pensar nele como uma forma de divulgar seu negócio também.


E aí, quer aprender mais? Tenho algumas aulas salvas nos destaques do meu perfil do Instagram. Dá uma olhada lá!

Gostou deste artigo? Escreve aqui nos comentários se ele foi útil para você!

Ah, e se quiser salvar este post para ler de novo depois é só salvar a imagem abaixo no seu Pinterest! Aproveita e me segue por lá para ficar por dentro das minhas dicas e inspirações! <3