Quando nos tornamos assassinos de sonhos?

Como eu costumava sonhar… Quando criança, e certamente não diferentemente de vocês, eu sonhava — e muito! Sonhava com a minha carreira, com as coisas incríveis que faria, com as realizações absurdas que alcançaria, com minha vida toda. Eram tantas possibilidades! Eu era tão pequena, mas ainda assim tão capaz de tudo. Eu sonhava tão alto! Eu poderia ser uma modelo como gostaria de ser quando era criança, uma escritora como sonhava quando era adolescente ou super rica como…

Continue lendo